top of page

Chrüterei Stein Gruppe

Öffentlich·221 Mitglieder
Julian Savin
Julian Savin

Alemanha Pede Para Evitar O Uso Do Firefox


Se houver uma tentativa de entrada incomum para sua conta, você receberá um email ou uma mensagem SMS. Enviaremos uma mensagem a todos os seus métodos de contato alternativos. Para ajudar a proteger sua conta, será necessário fornecer um código de segurança de um desses contatos. Esta etapa impede a entrada de pessoas que não são você e nos permite saber se foi apenas você entrando em uma localização ou um dispositivo incomum.




Alemanha Pede Para Evitar O Uso Do Firefox



Isso incluiria coisas como uma conexão permanente, criptografada e não verificável por agentes externos, somente pelo provedor do serviço. Tal técnica é propositalmente usada para evitar que malwares interceptem a comunicação para agir em cima dos dados obtidos.


O objetivo principal deste artigo é mostrar que o processo de interação entre Ucrânia e Rússia no pós-URSS origina a identidade social de inimigo, que é a fonte dos conflitos de interesse entre os dois países. Para sustentar o argumento, propõe-se um modelo teórico com base na importância das idéias para a constituição dos interesses e na crença de que os interesses são determinados pelas identidades. Depois, demonstra-se por que a identidade entre os dois países é de inimigo. A reação destes à expansão da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) é utilizada para ilustrar as conseqüências da inimizade. Como as identidades determinam os interesses, as relações entre Estados amigos envolvem interesses comuns, e, entre inimigos, interesses divergentes. Assim, a percepção de ameaça é compartilhada entre amigos e, entre inimigos, o amigo de um se torna o inimigo de outro. Por isso a Ucrânia coopera com a OTAN em busca de proteção, enquanto a Rússia não aceita sua expansão. A fim de evitar que os conflitos entre Ucrânia e Rússia representem uma ameaça à segurança da Europa, é necessário que a identidade construída na interação entre eles seja transformada.


No momento em que a Ucrânia reafirma sua vontade de controlar a FMN, o parlamento russo inicia o debate acerca da legitimidade da transferência da Criméia da URSS para a Ucrânia, ocorrida em 1954. Já em tramitação pelas comissões parlamentares, o assunto é reintroduzido na pauta de discussão como resposta às assertivas ucranianas. Caso a Criméia não fosse considerada parte da Ucrânia, o argumento ucraniano de que a FMN deveria ser controlada por ela por estar localizada em seu território perderia a validade. Assim, no dia 23 de janeiro de 1992, o parlamento russo instrui as comissões de relações exteriores e de legislação para que se manifestem sobre a legitimidade da transferência até o início de fevereiro. Na mesma sessão, os deputados russos pedem ao parlamento ucraniano que também se debruce sobre o tema. Além disso, um outro pedido é feito: os russos queriam que o processo de negociação sobre a FMN fosse acelerado pelos colegas da Ucrânia (Sheehy, 1992a).


Com a iminência de uma guerra, Kravchuk e Yeltsin concordam em anular seus decretos sobre a FMN e em estabelecer uma comissão parlamentar conjunta para resolver a disputa (Clarke, 1992c). Após o entendimento, e em grande parte por causa da forte pressão internacional, a Ucrânia reinicia a transferência das armas nucleares para o desmonte na Rússia, no dia 17 de abril (Clarke, 1992d). Porém, a insegurança quanto ao país vizinho permanece. No dia 28, Kravchuk pede ao Ocidente que garanta a integridade territorial ucraniana quando esta não contar mais com as armas nucleares, pois o presidente temia que a Ucrânia acabasse vítima de "chantagem nuclear" da Rússia. Segundo ele, as pretensões da Rússia sobre o território ucraniano seriam motivos suficientes para o receio (Mihalisko, 1992g).


A relação entre Ucrânia e Rússia enquadra-se no segundo caso, pois a identidade social construída entre os países no pós-URSS é regida pelo princípio da inimizade. Por isso a aproximação da Ucrânia com a OTAN é paulatina. Ao declarar sua independência, o país anuncia sua adesão ao princípio da neutralidade em questões militares. Por um lado, o princípio é utilizado para não despertar maiores temores na Rússia em relação a um possível ingresso imediato da Ucrânia na organização. Por outro lado, a posição de neutralidade impede um acordo militar no âmbito da CEI, o que resguarda o país da influência russa (Balmaceda, 1998b). Desse modo, a Ucrânia supera um momento delicado, protegendo-se da Rússia, ao mesmo tempo que fortalece seus laços com a Aliança sem aderir formalmente a ela. Na época da independência, os custos de uma adesão imediata à OTAN poderiam superar os benefícios, uma vez que os países ocidentais reagem com apreensão ao fim da URSS (Arel, 1999).


De setembro de 2003 a janeiro de 2004, Ucrânia e Rússia enfrentam uma de suas piores crises após a tumultuada década de 1990. Nesse período, a Rússia inicia a construção de uma represa entre a costa russa de Krasnodar e a Ilha de Tuzla, pertencente à Ucrânia. Para a Rússia, a construção da represa é justificada para evitar a erosão da costa no lado russo. A Ucrânia envia tropas à Ilha, pois a represa afetaria a navegação no Estreito de Kerch, que liga o Mar Negro ao Mar de Azov, de onde o país retira algumas receitas ao cobrar taxas de passagem dos navios russos. Apenas em janeiro de 2004 a Rússia ordena que a construção da represa seja paralisada. Isso ocorre depois que um incidente entre navios russos e ucranianos obriga o presidente da Ucrânia a interromper uma viagem que fazia pelo Brasileoforça a voltar imediatamente para Kiev a fim de se encontrar com o presidente russo. Na época, é cogitada a possibilidade de um conflito militar localizado entre os dois países. Felizmente, este é contornado. Porém, as causas do incidente em Tuzla revelam que as relações entre Ucrânia e Rússia continuam marcadas pela desconfiança. Moscou utiliza a construção da represa como pretexto para controlar o Estreito de Kerch, pois os russos temem que a Ucrânia aprove uma lei conferindo ao Mar de Azov o mesmo status conferido ao Mar Negro, no que diz respeito às fronteiras da Ucrânia com a Rússia. No Mar Negro, a fronteira marítima entre os dois países é separada por uma zona neutra de águas internacionais. Isso permite que qualquer tipo de embarcação, inclusive navios de guerra da OTAN, naveguem pela região. A possibilidade de navios da OTAN em águas tão próximas faz a Rússia tomar medidas para controlar o Estreito de Kerch, na expectativa de que o governo da Ucrânia aceite um acordo fronteiriço favorável aos interesses russos. Aparentemente, os princípios de um acordo político alcançado após o incidente favorecem os dois países. A vantagem da Ucrânia é que as fronteiras do Mar de Azov serão finalmente demarcadas, após anos de protelação russa. Para satisfação russa, não haverá uma zona neutra de águas internacionais, e o Estreito de Kerch ficará sob o controle conjunto dos dois países. Assim, a Rússia pode vetar a passagem de navios de guerra da OTAN pelos canais de navegação (Krushelnicky, 2004).


P: Posso pagar meus credores que aceitam Mastercard diretamente deste site?R: Não. Para pagar uma conta, visite o website de seu credor para obter instruções sobre como pagá-los.P: Tenho de pagar uma taxa por pagar contas usando um Mastercard?R: A Mastercard não cpbra nenhuma taxa para pagamento de conta. Embora a maioria dos fornecedores de serviço não cobrem taxa, certifique-se de perguntar se eles cobram qualquer taxa ou têm restrições associadas com este tipo de pagamento usando seu Mastercard.P: Como pago uma conta com um Mastercard?R: Entre em contato com seu credor para fazer um pagamento eletrônico. Muitos oferecem esta opção de pagamento através de seus websites ou por telefone.P: Com que frequência posso fazer pagamentos automáticos de contas, e quando as contas são pagas?R: A conta automática paga é um acordo que você pode fazer com um determinado credor ou fornecedor de serviço, portanto você precisará contatar cada um diretamente para combinar quantias de pagamento e datas. Cada credor tem seus próprios procedimentos para pagamento de conta automático.P: Há limite para o número de pagamentos de contas automáticas que posso ter em um Mastercard?R: Não, porém, você pode estar limitado em fazer cobranças totais para sua conta Mastercard se isto exceder seu limite de crédito.P: Quem emitiu meu cartão?R: Você encontrará as informações de contato do emissor do cartão no verso de seu Mastercard e em seu demonstrativo de fatura.P: Quais cartões posso usar para pagar contas?R: Você pode usar um cartão de crédito ou débito que tenha o logo Mastercard. Recomendamos que você confirme com cada credor para assegurar que aceita seu cartão como forma de pagamento.P: O que é um pagamento de conta automático?R: O pagamento de conta automático pode ajudar você a evitar taxas e encargos por atraso ao permitir que seus fornecedores de serviços selecionados cobrem automaticamente de sua conta Mastercard regularmente.P: O que é um pagamento de conta manual?R: Com o pagamento de conta manual, você tem a liberdade de escolher a quantia a pagar e a data em que você quer fazer o pagamento. Cada vez que vence uma conta, você inicia o processo de pagamento.P: Se me inscrever em um pagamento de conta automático, continuarei a receber uma conta?R: O pagamento de conta automático é um acordo que você faz com o fornecedor de serviço selecionado, portanto, você precisará contatar cada um de seus credores diretamente (por telefone ou online) para combinar quantias e datas de pagamento. A maioria dos credores continua a enviar uma conta pelo correio para indicar a quantia total que será cobrada. Porém, alguns fornecedores podem permitir que você escolha entre receber uma conta online ou nenhuma cobrança. No momento em que inicia um relacionamento para pagamento automático, você deve determinar como a cobrança será feita pelo fornecedor.P: Que informações o fornecedor de serviço/credor exige?R: Pagar uma conta é um acordo entre você e um fornecedor de serviço selecionado, portanto, você precisará contatar cada um de seus credores diretamente para combinar quantias e datas de pagamento. Normalmente, o credor pedirá o número da conta de seu Mastercard e a data de expiração. Para pagamento de conta automático, o credor pode também exigir a que a quantia paga seja autorizada e cobrada automaticamente, e a data específica que você deseja ser cobrado a cada mês.Aviso: Nem todos fornecedores de serviço/credores permitirão que você escolha esta data. E alguns fornecedores de serviço podem exigir informações adicionais, como sua assinatura.P: E se houver alterações nas informações de minha conta Mastercard?R: Suas informações de conta Mastercard podem mudar devido à perda ou roubo do cartão, mudança da data de expiração ou upgrade para um novo produto. Para evitar interrupção do serviço, você deve contatar cada credor e lhes fornecer as informações sobre sua nova conta. Recomendamos que você mantenha uma lista dos credores a quem você paga automaticamente para poder atualizar as informações de maneira eficiente quando for necessário.P: E se eu quiser parar a cobrança de conta automática?A: Entre em contato com o credor com quem você estabeleceu o pagamento de conta automática, e siga os procedimentos para cancelar ou mudar o método de pagamento.P: What if I don't agree with a payment amount made to a biller/service provider on my Mastercard statement?R: É recomendável que você revise a conta eletrônica ou em papel que seu credor fornece antes de qualquer pagamento ser feito com seu Mastercard. Entretanto, se houver um erro ou dúvida sobre um pagamento debitado em seu cartão, entre em contato com seu credor imediatamente para resolver as discrepâncias de pagamento.Como portador de cartão Mastercard, você não é responsável por cobrança de compras não autorizadas em sua conta. Algumas exceções são aplicáveis.P: Quais são os benefícios de se pagar uma conta usando um Mastercard?R: Usar seu Mastercard é muito mais rápido e mais conveniente do que preencher cheques. Você pode efetuar pagamentos a qualquer hora e de qualquer lugar do mundo. As cobranças aparecerão em seu demonstrativo mensal, portanto, é uma maneira fácil e eficiente para organizar-se e controlar suas despesas. Além disso, se você usar o pagamento de conta automático não terá de se preocupar sobre esquecer pagamentos ou impostos por atraso. Dependendo do cartão que você use, ainda pode ser capaz de ganhar recompensas.


Info

Willkommen in der Gruppe! Hier können sich Mitglieder austau...
bottom of page